Deus: O maior ditador de todos os tempos!

Reflexão: A "melhor" conclusão humanista sobre Deus é que ele é um ditador sórdido, logo deve ser tirado do poder. Ele não é democrático, não aceita sugestões nem "feedbacks", pra quê um deus desse? só pra satisfazer/propositar sua existência?!

Uma ideia de um ser que tem um poder-absoluto em suas "mãos" é muito perigosa socialmente/economicamente falando, partindo desse pressuposto deus é um ditador.

JÁ QUE LUTAMOS PELA DEMOCRACIA, A PRIMEIRA IDEIA QUE DEVERIA SER DESCONSIDERADA, SERIA ESSA IDEIA DE UMA DIVINDADE MONOTEÍSTA, QUE NOS CONTROLA, QUE NOS LIMITA!

Até quando vamos parar de se humilharmos para as divindades? elas nunca nos ajudaram, temos que admitir sua inexistência, e se tornarmos o Übermensch como o Nietzsche dizia, simplesmente temos que aceitar o paradoxo proposital, que nem o proposito se auto-explica, temos que aceitar que não tem algo superior se preocupando conosco, só nós seres humanos podemos nos ajudar, através do mutualismo/coletivismo/humanismo!

-Mas mesmo que deus exista ou não, ele age como um ditador, se ele existe, ele é um ditador, se ele não existe, é apenas uma ideia de um ser que é basicamente um ditador, mas mesmo que seja só uma ideia, esta ideia continua controlando o ser humano, então como tira-lo do poder, já que ele é apenas um delírio filosófico ?
-Não acreditando-o!

-A maior virtude é a razão, mas quem tira a razão do homem?
-Deus, ou melhor a ideia dessa suposta divindade monoteísta!

Quer controlar um homem? comece tirando sua razão!

.
.
.
.
.
.

Divindade monoteísta não é uma ideia louvável, já que se encaixa no mesmo padrão de um ser que dita o que você deve fazer ou não! .
.
.
OBS: Estou me referindo a divindade monoteísta, vulgo Deus!

Autor: Natan Ribeiro.

Em breve esta tese filosófica terá um adendo...

Este é o meu 2 post mais antigo